Home Economia Pesquisa revela que Paraíba eleva emprego e permanece com a menor taxa de desempregados do Nordeste

Pesquisa revela que Paraíba eleva emprego e permanece com a menor taxa de desempregados do Nordeste

O Estado da Paraíba elevou a taxa de ocupação de trabalhadores e manteve a menor taxa de desemprego entre os nove estados do Nordeste, no trimestre encerrado em setembro. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira (17), mostra que a taxa de desocupados era de 10,8% da população de 14 anos ou mais de idade, apresentando uma queda de 0,6 ponto percentual do trimestre encerrado em junho deste ano (11,4%) e uma queda mais de 2,2 pontos percentuais, quando comparado com a taxa de um ano atrás (12,8%). É o menor índice dos estados do Nordeste e a 6ª menor entre as 27 unidades da federação.

Em números absolutos, a desocupação caiu de 194 mil para 186 mil trabalhadores, o que representou uma queda de 4,3% no número de trabalhadores desocupados no trimestre em julho/agosto/setembro sobre o anterior. De acordo com a Pnad Contínua, o nível de ocupação de trabalhadores paraibanos subiu 2,2%%, passando de 1,505 milhão para 1,539 milhão de pessoas acima de 14 anos no Estado. Já a força de trabalho da Paraíba é de 1,724 milhão de pessoas.

Os setores que mais cresceram na Paraíba em ocupações no trimestre encerrado em setembro foram comércio, reparação e veículos (5,1%), com o maior volume privado de pessoas ocupadas no Estado (314 mil pessoas); indústria geral (4,8%); informação, comunicação, atividades financeiras e imobiliárias (4,4%) e o de transporte armazenagem e correio (3,4%), além de outros serviços que elevaram em 9,9% a taxa de ocupados.

Ranking do Nordeste – No ranking do Nordeste, além da Paraíba (10,8%), as menores taxas são do Ceará (11,8%) e Piauí (11,8%), enquanto os estados da Bahia (16,7%) e Pernambuco (17,9%) registram as maiores taxas de pessoas desocupadas. A Paraíba manteve também desempenho m mais uma vez melhor que os índices de desempregos da média do país (12,4%) e do Nordeste (14,8%). A região Nordeste permaneceu apresentando as maiores taxas de desocupação ao longo de toda série do IBGE, tendo registrado, no terceiro trimestre de 2017, uma taxa de 14,8% de desocupação, bem acima da Paraíba e de outras regiões como Sudeste, Norte, Centro-Oeste. Já a região Sul manteve a menor taxa de desocupados (9,7%).


Encontre as notícias que estão movimentando as redes sociais em um só lugar, de um jeito fácil e com credibilidade. Acesse: tvsertaodaparaiba.com.br

ClickPB
Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Emily
Carregar mais por Economia

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Após dois dias de internação, Temer recebe alta de hospital em SP

O presidente Michel Temer, 77, recebeu alta do Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, na ma…