Conduzida à delegacia suspeita de agulhadas é aplicadora de piercing e não portava seringas

Ela foi detida pela equipe de segurança do evento, que alegou que a mulher estava com tesouras e seringas. Ela foi conduzida à delegacia para prestar depoimento, foi ouvida e depois liberada.

A mulher que havia sido detida no Parque do Povo, em Campina Grande, na noite desta terça-feira (12), suspeita de estar com seringas foi liberada após a polícia identificar que ela era aplicadora de piercing e estava com seu material de trabalho.

Ela foi detida pela equipe de segurança do evento, que alegou que a mulher estava com tesouras e seringas. Ela foi conduzida à delegacia para prestar depoimento, foi ouvida e depois liberada.

De acordo com Luciano Soares, superintendente da Polícia Civil em Campina Grande, ela não portava agulhas usadas para aplicação por injeção. O material que ela levava eram agulhas lacradas para aplicação de piercing.


Você também pode enviar informações à redação do portal tvsertaodaparaiba.com.br pelo Whatsapp 83 98886 4599 ou 99166-4140.

ClickPB
Tags

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Fechar