Home Geral Americano é condenado a 10 anos no Irã por espionagem

Americano é condenado a 10 anos no Irã por espionagem

O Irã condenou a 10 anos de prisão um cidadão americano acusado de ser infiltrado no país. O porta-voz do judiciário não informou o nome do preso, informa o France 24.

Segundo a reportagem, o homem possuía, além da cidadania americana, um segundo passaporte de outro país. Os detalhes do processo serão dados no tribunal de apelação, afirma o porta-voz:

“Ele foi identificado e preso pelos serviços de inteligência”, afirmou.

Só na capital do país, Teerã, estão presos pelo menos 70 espiões. Há cerca de 10 meses, o ex-funcionário da Unicef e seu filho, o consultor financeiro Siamak Namazi foram presos por envio de informações ao governo americano. Eles também foram condenados a 10 anos.

Notícias Ao Minuto

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Emily Pereira Sinézio
Carregar mais em Geral

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Além disso, verifique

Sine abre 50 vagas para Vigilante em Cajazeiras

O Sine-pb Cajazeiras-pb vagas de emprego para: Vigilante (50 vagas). Requisitos da empresa…