Com apoio da Secult, Boca de Cena traz oficina de patrimônio e teatro de bonecos a Cajazeiras

A Cia Boca de Cena é uma entidade civil de direito privado que há 21 anos desenvolve na PB.

A Cia Boca de Cena, de João Pessoa, estará em Cajazeiras no próximo sábado (7) com a Caravana Patrimônio Nosso. Durante o dia, de 8h30 às 11h30 e de 13h às 15h30, será ministrado um minicurso patrimonial na sede da Secretaria de Cultura e Turismo do município, no Casarão da Epifânio Sobreira. À noite, a partir das 19h30, haverá espetáculo teatral da Cia “Tem boi no algodão”, aberto ao público, na quadra ao lado do Casarão. Os eventos têm parceria com o Iphaep e a Prefeitura Municipal de Cajazeiras, através da Secretaria de Cultura e Turismo.

A Cia Boca de Cena é uma entidade civil de direito privado que há 21 anos desenvolve na Paraíba, um trabalho de pesquisa, documentação e fomento ao teatro de bonecos popular do nordeste. Uma manifestação cultural que recebeu pelo Iphan no ano de 2015 o título de Patrimônio Imaterial do Brasil.

Uma manifestação cultural, recebeu pelo Iphan em  2015 o título de Patrimônio Imaterial do Brasil (Foto: Secom CZ).

Esta Cia destaca-se por seu trabalho pioneiro na proteção deste Bem, sendo referência nacional em projetos de salvaguarda no campo patrimonial. Em sua trajetória vários projetos foram desenvolvidos, levando a população apresentações de espetáculos, oficinas de educação patrimonial, oficinas de elaboração de projetos culturais, circulação e rodas de conversas com mestres bonequeiros, produção de artigos acadêmicos, exposição de bonecos populares, II Encontro de Brincantes de Babau da Paraíba etc.

Experiências que proporcionou a toda equipe inúmeras reflexões, sobretudo, em relação às dificuldades de manutenção dos patrimônios e as consequências da falta de ações nesse campo de trabalho.

“A partir desse momento tomamos à iniciativa de propor ao IPHAEP o principal Órgão ligado a preservação dos patrimônios estaduais, uma parceria para realizar a Caravana Patrimônio Nosso” explica Artur Leonardo, da Cia Boca de Cena.

Cada cidade a ser visitada receberá um Minicurso de Educação Patrimonial(Foto: Secom CZ).

Segundo ele, o objetivo é realizar junto com o IPHAEP a Caravana Patrimônio Nosso, em 13 municípios da Paraíba, trabalhando na capacitação e sensibilização de professores e gestores públicos sobre a importância e a responsabilidade de todos em manter, proteger e fomentar a continuidade dos Bens culturais do estado para as futuras gerações. Apresentando também, um Patrimônio Cultural Imaterial em atividade através do teatro de bonecos popular.

Cada cidade a ser visitada receberá um Minicurso de Educação Patrimonial sobre preservação e manutenção de Bens Culturais, uma apresentação pública de Teatro de Bonecos Popular, como demonstração prática de um Bem em atuação na comunidade, além da exposição Mestres e Brincantes de Babau da Paraíba, que mostra através de banners quem são os mestres bonequeiros da Paraíba, suas localizações, formas de aprendizagem e bonecos.

O espetáculo “Tem boi no algodão” é mais uma bela montagem inspirada na cultura nordestina. O público é convidado a apreciar o encontro harmonioso entre o babau, o forró e o coco de roda, apresentados em um espetáculo divertido que conta as aventuras do negro Benedito e seu boi ensinado, nas terras do Capitão João Redondo. Nesta história o dono da fazenda de algodão, rico, poderoso e cheio de preconceitos, acaba sendo ludibriado por seu vaqueiro, o astuto Benedito, que rouba o coração de sua filha Rosinha. O plano de fundo dessa trama conta com uma riqueza natural característica de nosso Estado, que se tornou um símbolo cultural e artístico do povo paraibano – o algodão colorido. O mestre de cerimônias do espetáculo é “O Coelho Banzé”, que com sua irreverência e carisma, conduz o público através do maravilhoso mundo do Teatro de Animação.

Planos oferecidos em Cajazeiras-PB

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Fechar
"Equipe de Plantão:"