Home Brasil Ministério anuncia R$ 27 milhões para tratamento de vítimas da zika

Ministério anuncia R$ 27 milhões para tratamento de vítimas da zika

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, anunciou nesta terça-feira, 12, a liberação de recursos e a realização de novas ações para reforçar a rede de cuidado às crianças com síndrome congênita associada à infecção pelo zika. Ao todo, serão investidos R$ 27 milhões para ampliar e qualificar os serviços na atenção básica, por meio dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASFs).

O anúncio foi feito no Recife, durante a abertura do “Encontro Regional: Fortalecimento da Atenção Básica na Articulação das Redes de Atenção à Saúde”, que reuniu gestores e técnicos dos nove Estados do Nordeste, além de especialistas.

De acordo com o ministro, do total de recursos R$ 15,2 milhões serão aplicados na aquisição de novos kits fisioterápicos e outros R$ 11,8 milhões para ações de diagnóstico, entre exames e consultas, para conclusão de casos que ainda não foram fechados. Atualmente, 5,3 mil casos – entre confirmados e em investigação – estão sendo monitorados no País.

“Esta ação irá avaliar situação de cada caso em investigação para que possamos acompanhar a evolução da síndrome e tomar as devidas providências. Mesmo após o fim da emergência da zika e microcefalia, o governo mantém o apoio e dará continuidade a assistência e cuidado dessas crianças e suas famílias”, afirmou o ministro da Saúde, Ricardo Barros, durante o anúncio.

Cada uma das 4.143 equipes de núcleo de apoio à saúde da família que possuam profissionais de fisioterapia vai receber R$ 3,6 mil para a aquisição de kits para reforçar a estimulação precoce, como colchonetes, bolas, brinquedos que estimulam os sentidos e a coordenação motora, trena antropométrica, martelo de reflexo, entre outros materiais.

Os municípios receberão os recursos em parcela única por meio do Piso da Atenção Básica (PAB variável). Atualmente, a rede de reabilitação em todo o País conta com 2.323 serviços de reabilitação e estimulação credenciados no Sistema Único de Saúde (SUS), com 190 Centros Especializados em Reabilitação (CERs), 33 oficinas ortopédicas, 238 serviços de reabilitação em modalidade única e 1.862 serviços de reabilitação credenciados pelos gestores locais.

Ainda durante o evento, o ministro apresentou uma campanha publicitária nacional que apresentará histórias de pessoas impactadas pelos serviços oferecidos pelo SUS.

Evolução

Entre 2015 e 2017 foram registrados 14.577 casos de má-formação e 883 óbitos causados pela síndrome. Em agosto deste ano, de acordo com o novo boletim epidemiológico, 20% dos casos foram confirmados, 21% permanecem em investigação e 44% foram descartados. Em Pernambuco, são 421 diagnósticos confirmados de microcefalia. Os casos da síndrome vêm diminuindo desde maio de 2016.

No início deste mês, o Ministério da Saúde incorporou um novo medicamento para o controle de convulsões em pacientes com microcefalia decorrente de infecção pelo vírus. Considerado um dos mais modernos no mundo para o tratamento de crianças com microcefalia, o medicamento já é utilizado em países como Canadá e Escócia.

A pasta vai investir, até 2022, mais de R$ 1,6 milhão no novo componente. A aquisição estará disponível aos pacientes do SUS em até 180 dias.

Estadão Conteúdo
Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Emily
Carregar mais por Brasil

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Sertão Em São João do Rio do Peixe: Sindicalista cobra salários atrasados de efetivos e afirma que tem contratado que não recebe há três meses

Em contato por telefone com o Portal na tarde desta terça-feira (21), a presidente do Sind…