Home Geral Operação conjunta entre MPPB e GOE apreende quase meia tonelada de drogas

Operação conjunta entre MPPB e GOE apreende quase meia tonelada de drogas

Quase meia tonelada de drogas (460 quilos de maconha e 14 quilos de cocaína) foi apreendida nas últimas horas na capital paraibana em uma operação planejada em conjunto pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) – por meio o Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) e a 8ª Promotoria de Justiça Criminal de João Pessoa – e o Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE). A operação ainda está em andamento e quatro prisões já foram efetuadas. Novas prisões ainda poderão ocorrer.

Uma entrevista coletiva à imprensa está programada para as 9h30 desta terça-feira (18), na sede do GOE, em João Pessoa. A ação do MPPB e do GOE teve o apoio do Juízo da Vara de Entorpecentes da Capital. A droga apreendida foi adquirida e armazenada por um núcleo associativo criminoso sob a liderança do traficante Romero Santiago da Silva, o ‘Bigode’.

A operação foi deflagrada pelos delegados da Polícia Civil Allan Murilo BarbosaTerruél e Karina Torres, com a participação de todo o efetivo do GOE – operadores táticos e escrivães.

O Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil vem acompanhando a movimentação dessa organização crimonosa de traficantes mediante prévio conhecimento do MPPB e da Justiça. A atuação eficiente e pontual vem objetivando enfraquecer as organizações criminosas e a “economia do tráfico” da Região Metropolitana de João Pessoa. Em três meses, já foi retirada de circulação mais de meia tonelada de substâncias entorpecentes.

Foram presos em flagrante delito, além de Romero Santiago da Silva, os traficantes Maxyon Giovanni Mathias Lima, Jaqueline Brasil de Araújo e Filipe Brasil. Outras prisões poderão ser efetuadas até a conclusão da operação que se encontra em andamento.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Emily Pereira Sinézio
Carregar mais em Geral

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Além disso, verifique

Polícia prende suspeito, recupera veículo e apreende arma

Policiais militares da Força Tática e Radiopatrulha do 1º Batalhão prenderam em flagrante …