Home Entretenimento Penélope Cruz condena abuso de poder após acusações contra Weinstein

Penélope Cruz condena abuso de poder após acusações contra Weinstein

Penélope Cruz disse que nunca presenciou o comportamento de Harvey Weinstein, produtor acusado de diversos assédios sexuais, e afirmou que o abuso de poder é inaceitável. A atriz ganhou o Oscar de melhor atriz coadjuvante por “Vicky Cristina Barcelona”, filme produzido pela empresa de Weinstein em 2008.

Em comunicado ao site “Buzzfeed News”, Cruz afirmou estar extremamente triste e chocada com os relatos que foram divulgados sobre o produtor.

“Obviamente, eu não conhecia este lado dele. Nós trabalhamos juntos em diferentes filmes e mesmo que ele tenha me desrespeitado, eu nunca presenciei esse tipo de comportamento.”

“Preciso expressar meu apoio às mulheres que tiveram essas terríveis experiências. Elas mostraram grande coragem ao falarem”, disse Cruz. “Este tipo de abuso de poder é inaceitável. Todos nós, mulheres e homens, precisamos ensinar as futuras gerações sobre o poder do respeito e o apoio ao próximo.”

O magnata do cinema Weinstein, 55, foi acusado por dezenas de atrizes de assédio ou estupro. Ele foi demitido da própria empresa, a The Weinstein Company, após o jornal americano “The New York Times” revelar uma série de acusações de mulheres contra o produtor ao longo dos últimos 30 anos.

Em movimento lento e crescente, estrelas de Hollywood passaram a tratar publicamente do caso, entre elas, as atrizes Angelina Jolie, Gwyneth Paltrow e Léa Seydoux.

• Encontre as notícias que estão movimentando as redes sociais em um só lugar, de um jeito fácil e com credibilidade. Acesse: tvsertaodaparaiba.com.br

Com informações da Folhapress.
Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Emily
Carregar mais por Entretenimento

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Garotinho faz ‘jejum’ para fazer as pessoas refletirem, diz filha

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) do Rio informou em nota que o…