PF cumpre 40 mandados em operação contra o tráfico de drogas na PB

A operação visa combater o tráfico de drogas em João Pessoa, Campina Grande e no Sertão paraibano.

A Polícia Federal amanheceu nas nas ruas de Campina Grande e João Pessoa para combater o tráfico de drogas. A “Operação Dragões de Fogo”, desencadeada pela PF nas primeiras horas desta terça-feira (26), está cumprindo mandatdos de prisão preventiva e vinte de busca e apreensão estão sendo cumpridos na Paraíba.

A operação visa combater o tráfico de drogas em João Pessoa, Campina Grande e no Sertão paraibano.

As investigaçõs da delegacia da Polícia Federal em Campina Grande começaram em 2017, que se concentrou em duas grandes organizações criminosas voltadas para o tráfico interestadual de drogas.

Durante a investigação foram interceptados carregamentos ilícitos de drogas, na Paraíba e no Rio Grande do Norte, que acarretaram a prisão em flagrante de 14 pessoas e a apreensão de aproximadamente 360 quilogramas de maconha e 32 quilogramas de cocaína, além de duas armas de fogo.

Os quarenta mandados estão sendo cumpridos em João Pessoa, Campina Grande, Patos, São Bento, Paulista e Teixeira, e foram expedidos pela Vara de Entorpecentes de Campina Grande com o objetivo de desarticular as organizações criminosas investigadas, cujos líderes também integram a cúpula de facção criminosa com atuação na Paraíba.

Segundo a PF, o nome dado à operação tem ligação com a mitologia, onde os dragões são associados com o mal e o caos. Os dragões dos mitos sumérios, por exemplo, frequentemente cometiam grandes crimes e acabavam punidos pelos deuses.


Você também pode enviar informações à redação do portal tvsertaodaparaiba.com.br pelo Whatsapp 83 98886 4599 ou 99166-4140.

Pbagora
Planos oferecidos em Cajazeiras-PB

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Fechar
"Equipe de Plantão:"