Polícia Civil procura suspeito de aplicar golpes em aposentados após troca de cartão

A Delegacia de Defraudações e Falsificações da Polícia Civil identificou um dos suspeitos de aplicar o golpe da troca do cartão, que atua há pelo menos dez dias em João Pessoa, através de imagens. A única informação obtida até o momento é a imagem de um dos suspeitos, já que ele usava identidade falsa.

O golpe consiste na ligação telefônica feita por membros da quadrilha, para telefones fixos de aposentados. Os suspeitos se identificam como funcionários de uma instituição bancária estando munidos de todos os dados dos clientes, e informam que os cartões de crédito das vítimas teriam sido “clonados”. A quadrilha, então, informa que um suposto funcionário irá até o endereço da vítima para que o cartão seja substituído.

O que acontece é que na verdade não existe clonagem alguma de cartão. Depois que o cartão é entregue, a quadrilha simplesmente utiliza todo o limite disponível, munida da senha de acesso.

Somente uma das vítimas que prestou queixa à Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) relatou um prejuízo de R$ 40 mil. Até agora, cinco vítimas já procuraram a DDF e reconheceram o suspeito. Estima-se que o prejuízo provocado pela quadrilha já supere a quantia de R$ 80 mil.

A DDF orienta que caso alguém receba a ligação, entre em contato imediatamente com a Polícia Civil para que os criminosos sejam identificados, já que a situação configura crime de estelionato. De acordo com a polícia, não existe nenhum procedimento bancário consistente na troca de cartão objeto de fraude.

O membro da quadrilha identificado até o momento utiliza um documento de identidade do estado de São Paulo e identifica-se como Policial Civil, informando que trabalharia como “apoio ao sistema de segurança do banco”, para ganhar a confiança das vítimas. O verdadeiro dono do documento já foi identificado e confirmou o uso indevido de sua identidade, confirmando que a presente quadrilha, além de informações bancárias de suas vítimas, possui acesso a documentos públicos falsos.

As denúncias sobre o golpe da troca do cartão devem ser encaminhadas à DDF ou podem ser feitas através do Disque Denúncia da Polícia Civil, através do telefone 197. A Polícia Civil orienta ainda que os clientes bancários não confirmem nenhum dado pessoal via telefone e acionem as autoridades policiais o mais rápido possível.


Encontre as notícias que estão movimentando as redes sociais em um só lugar, de um jeito fácil e com credibilidade. Acesse: tvsertaodaparaiba.com.br

Planos oferecidos em Cajazeiras-PB

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar
"Equipe de Plantão:"