STF absolve Gleisi e Paulo Bernardo em processo da Lava-Jato

Ao votar, os ministros Edson Fachin, Celso de Mello e Dias Toffoli não viram provas suficientes para caracterizar os crimes de corrupção ativa, passiva e de lavagem de dinheiro.

A 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu pela absolvição da senadora Gleisi Hoffmann, que também é presidente do Partido dos Trabalhadores (PT). Ela foi acusada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) de ter recebido R$ 1 milhão em propina do ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa.

O marido de Gleisi, o ex-ministro Paulo Bernardo, também foi absolvido da acusação de ter envolvimento no esquema de corrupção investigado pela operação Lava-Jato, da Polícia Federal. Réu no mesmo processo, o empresário Ernesto Kugler Rodrigues foi inocentado de todos os crimes. Ao votar, os ministros Edson Fachin, Celso de Mello e Dias Toffoli não viram provas suficientes para caracterizar os crimes de corrupção ativa, passiva e de lavagem de dinheiro.

No caso de Gleisi, Fachin entendeu que ela falsificou documento público ao não declarar os recursos totais recebidos para a campanha. Mas a maioria dos ministros não viram provas suficientes desta ação.

O voto final foi dado pelo presidente da Turma, Ricardo Lewandowski, que votou pela absolvição de todos os acusados. “As imputação devem estar individualizadas e comprovadas. Acompanho em parte o voto do relator, alinhando-me a divergência do ministro Dias Toffoli para absolver a senadora Gleisi Hoffmann”, afirmou.


Você também pode enviar informações à redação do portal tvsertaodaparaiba.com.br pelo Whatsapp 83 98886 4599 ou 99166-4140.

Planos oferecidos em Cajazeiras-PB

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Fechar
"Equipe de Plantão:"