Home Destaque Vinte e três acidentes foram registrados na operação São João; 30 pessoas ficaram feridas e duas morreram

Vinte e três acidentes foram registrados na operação São João; 30 pessoas ficaram feridas e duas morreram

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou à meia-noite de ontem, na Paraíba, a Operação Festas Juninas 2017. Os trabalhos foram concentrados entre os dias 22 e 25 de junho. Vinte e três acidentes foram registrados nos quatro dias da operação, com um saldo 30 feridos e dois mortos.

A operação teve o objetivo de proporcionar mais segurança e fluidez do trânsito. O reforço na fiscalização foi concentrado nas Regiões Metropolitanas de João Pessoa, Campina Grande e em Patos, no Sertão Paraibano.

A PRF priorizou algumas ações para redução da violência do trânsito. O combate à embriaguez ao volante, o excesso de velocidade, as ultrapassagens indevidas e a condução irregular de veículos de duas rodas (motos, motonetas e ciclomotores)

O período da operação Festas Juninas deste ano foi mais curto que a do ano anterior. Ao todo, foram quatro dias, enquanto a operação em 2016 teve sete. O que provocou esta diferença na duração foi que o dia 24 (São João) caiu em uma sexta-feira, o que deu ao período uma característica de feriadão.

Um dos mortos foi vítima de um acidente envolvendo um animal solto na pista no quilômetro 411 da BR 230, em Pombal, na noite do dia 22. O motorista de um Chevrolet Corsa não conseguiu evitar o atropelamento do animal, que ocasionou o capotamento do veículo, culminando com a morte de um passageiro. A PRF e a Polícia Civil constataram que a cerca da propriedade de onde saiu o animal fora violada há pouco tempo atrás, não caracterizando assim omissão do proprietário.

O outro acidente que provocou a morte de outra pessoa aconteceu na madrugada do sábado, na BR 104, em Cuité. O motorista de um Chevrolet Corsa colidiu na traseira de uma motocicleta Honda 125, o que provocou o óbito do condutor do veículo de duas rodas.

Dos 937 veículos flagrados em excesso de velocidade, dois deles se destacaram negativamente entre os demais exemplos de imprudência; os radares captaram um Hyundai Azera e um Chevrolet Camaro a 192 e 175 km/h, respectivamente. Os flagrantes foram na BR 230, município de Patos, Sertão do estado. Além da multa no valor de R$ 880,41, ambos os condutores receberão 7 pontos na CNH e terão as mesmas suspensas por 12 meses.

A PRF manterá reforço no policiamento e fiscalização até o próximo final de semana, visando os festejos do São Pedro.

PRF